Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mil Razões...

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

21
Mai18

Falar com o coração (Confiança – 2)

Publicado por Mil Razões...

Girl - Lisa Runnels.jpg

Foto: Girl - Lisa Runnels

 

Para vivermos precisamos de confiança no outro e em nós… penso eu…

 

O que é confiar no outro?

É esperar que o outro não nos desaponte.

É esperar que o outro seja sincero.

É esperar que o outro guarde para si aquilo que partilhamos.

É esperar que o outro seja uma referência para nós.

É esperar que o outro nos dê segurança.

É outras coisas, com certeza…

 

O que é confiar em nós?

É esperar que as expetativas que temos sejam congruentes com o que fazemos.

É esperar que tenhamos autoestima suficiente para que acreditemos nas nossas potencialidades.

É esperar que tenhamos a certeza do que fazemos.

É esperar que aquilo que sabemos dará resposta ao que nos é pedido.

É outras coisas, com certeza…

 

A confiança ganha-se e perde-se num minuto, com uma palavra certa ou errada, com um gesto certo ou errado.

 

Há dias, quando eu me “queixava da vida” num momento de indignação, uma pessoa com os seus sábios 90 anos disse-me: “Não fales com a boca – fala sempre com coração; só assim Ele te ouve e leva a sério o que dizes e pedes.”.

Pensei… De facto, quando penso e falo com o coração confio no que digo e confio em mim, porque não digo nem mais nem menos do que aquilo. Está lá tudo! Provavelmente, os outros receberão assim a mensagem (transparente; está lá tudo). Não há razão para não confiar.

A confiança transporta-nos para o mundo das relações humanas, cujas variáveis são difíceis de controlar… penso eu...

 

Ermelinda Macedo

 

Porto | Portugal

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Equipa

> Alexandra Vaz

> Cidália Carvalho

> Ermelinda Macedo

> Fernando Couto

> Helena Rosa

> Inês Ramos

> Jorge Saraiva

> José Azevedo

> Maria João Enes

> Marisa Fernandes

> Rui Duarte

> Sandra Pinto

> Sara Silva

> Sónia Abrantes

> Teresa Teixeira

Calendário

Maio 2018

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Comentários recentes

  • Anónimo

    Olá, Boa tarde.Gostei muito deste artigo.Rebeca Ma...

  • Anónimo

    M. Teixeira, a sabedoria está em encontrar o ponto...

  • Anónimo

    O que é muito significativo - quando se perde a Co...

  • Anónimo

    Socorro-me da sabedoria popular : cautelas e caldo...

  • Anónimo

    A estátua da Confiança está sempre de braços parti...

Ligações

Candidatos a Articulistas

Amigos do Mil Razões...

Apoio emocional

Promoção da saúde