Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mil Razões...

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

12
Jan15

Purpurinas de paz (Racismo – 5)

Publicado por Mil Razões...

MulherBorboleta.jpg

 

Racismo consiste no preconceito e na discriminação com base em perceções sociais baseadas em diferenças biológicas entre os povos. Muitas vezes toma a forma de ações sociais, práticas ou crenças, ou sistemas políticos que consideram que diferentes raças devem ser classificadas como inerentemente superiores ou inferiores com base em caraterísticas, habilidades ou qualidades comuns herdadas. Também pode afirmar que os membros de diferentes raças devem ser tratados de forma distinta.

Racism Oxford Dictionaries,"Racism" in R. Schaefer. 2008 Encyclopedia of Race, Ethnicity and Society. SAGE. p. 1113, Newman, D. M.. Sociology : exploring the architecture of everyday life. 9th. ed. Los Angeles: SAGE, 2012. p. 405. ISBN 9781412987295.

 

E o racismo existente dentro da mesma raça?

Extremamente subtil e traiçoeiro...

Num dos meus passeios pela famosa rede social tive a oportunidade de ler um artigo intitulado de "Vampiros Energéticos". Palavras aparentemente com bastante assertividade e de real valor para muito do público que comentou e para mim, há uns anos atrás. Basicamente esta crónica sugeria que nos afastássemos de pessoas que nos sugavam a energia e nos deixavam num estado depressivo pela sua negatividade perante a vida. E automaticamente meditei sobre esta postura, se correta ou não, no meu ponto de vista... Ninguém gosta de estar ao lado de pessoas com um registo energético negativo, óbvio. Mas pergunto, onde está o Amor, sim o verdadeiro Amor pelo nosso amigo, colega ou mesmo um desconhecido que se cruzou connosco? Não será mais humano e compassivo aprendermos a proteger-nos deste tipo de energias do que fugir do nosso "irmão"? Claro que sim! Uma boa energia, amigável, carinhosa, atenciosa, pacífica, de bem com a vida, derrete qualquer coração.

Esta é a chave para mudarmos o Mundo, trabalhando o nosso corpo energético, purificando os pontos negativos em nós próprios para desta forma contagiar-mos aqueles que, por diversas razões, espalham negativismo. E desta forma temos a capacidade de abrir os nossos braços a todos que estão tristes, depressivos, que inconscientemente se queixam de tudo...

O processo de purificação não é fácil, estamos constantemente a ser postos à prova com diferentes provações, onde respondemos muitas das vezes sem refletir, nublados em nervosismo, desmotivação, ansiedade, stress, medo, anos e anos no mesmo registo. As técnicas para purificar existem e funcionam, se for essa a nossa real vontade. E se o fizermos com a consciência do Todo, mais rapidamente podemos descobrir que somos capazes de realmente viver a espalhar Purpurinas de Paz.

 

Joana Pereira

 

Porto | Portugal

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Equipa

> Alexandra Vaz

> Cidália Carvalho

> Ermelinda Macedo

> Fernando Couto

> Helena Rosa

> Inês Ramos

> Jorge Saraiva

> José Azevedo

> Maria João Enes

> Marisa Fernandes

> Rui Duarte

> Sandra Pinto

> Sara Silva

> Sónia Abrantes

> Teresa Teixeira

Calendário

Janeiro 2015

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Comentários recentes

  • Anónimo

    Olá, Boa tarde.Gostei muito deste artigo.Rebeca Ma...

  • Anónimo

    M. Teixeira, a sabedoria está em encontrar o ponto...

  • Anónimo

    O que é muito significativo - quando se perde a Co...

  • Anónimo

    Socorro-me da sabedoria popular : cautelas e caldo...

  • Anónimo

    A estátua da Confiança está sempre de braços parti...

Ligações

Candidatos a Articulistas

Amigos do Mil Razões...

Apoio emocional

Promoção da saúde