Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mil Razões...

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

Destaque

Amigos do Ziki - Uma ferramenta para o pré-escolar.

26
Fev16

Um pouco de mim (Eu – 5)

Publicado por Mil Razões...

BerneseMountainDog-KarenArnold.jpg

Foto: Bernese Mountain Dog – Karen Arnold

 

Gosto de animais, acima de tudo. São puros, ingênuos. No olhar de um cão, vejo a maior prova da existência de Deus. Por isso, deixei de comer carne, não julgo quem come, acho que é uma escolha individual mas, quando perdi minha cadela, uma dobermann linda e meiga que me lembrava um bezerro, deixou de apetecer.

Gosto de ficar na cama mais um pouco e deitar tarde, gosto da noite. Ainda que seja bom acordar com um dia de sol brilhante, as luzes das estrelas, para mim, iluminam mais.

Os filmes fazem parte da minha vida, seja pela profissão ou gosto. Aprendo muito com eles, já ri muito e chorei bastante também. Muitas vezes encontro nos filmes as respostas que procuro. Quando já deixei de procurar, elas aparecem. Gosto muito de ver um filme na última sessão quando tudo já está tranquilo e, às vezes na madrugada, um torpor: fica difícil distinguir o cinema do sonho.

Não sonho em ficar milionária, mas era bom ter dinheiro para não me preocupar com a velhice, para ajudar aqueles de que eu gosto e poder viajar com meu marido, para onde eu bem entendesse, ao menos três vezes por ano. E também para comprar uma casa no campo e ter muitos, mas muitos cães (é claro). Não sou daquelas pessoas superotimistas que acham tudo na vida uma maravilha. Me pergunto, muitas vezes, porque passamos por experiências tão duras, que parece às vezes impossível ultrapassá-las. Mas acho que, quando encontramos um amor verdadeiro, achamos força para continuar, nos levantar e seguir em frente. Ainda que custe um pouco. Nem é preciso dizer que eu sou romântica. Acredito no amor, sim. E não só no amor entre homem e mulher, no amor de amigo também, de pais e filhos, dos animais, ou de qualquer pessoa que nos ame e que possamos amar, independente quem seja.

Falo mais que devia, é daquelas manias que temos que controlar, mas quando vejo; falei. Acredito que saber ouvir é um dom. Estou trabalhando nisso...

Acho que a vida passa rápido e temos mesmo que saber vivê-la (como já dizia Roberto Carlos), ainda que não haja receita, cada um faz da sua maneira.

 

Leticia Silva

 

Porto | PORTUGAL

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Equipa

Alexandra Vaz

Ana Martins

Cidália Carvalho

Ermelinda Macedo

Fernando Couto

Jorge Saraiva

José Azevedo

Leticia Silva

Rui Duarte

Sandra Pinto

Sandra Sousa

Sara Almeida

Sara Silva

Sónia Abrantes

Tayhta Visinho

Teresa Teixeira

Calendário

Fevereiro 2016

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
2829

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Comentários recentes

  • Anónimo

    A realidade de tantos e tantos...

  • Teresa Teixeira

    Obrigada. É só o que me apetece dizer, agora. E nã...

  • Cidália Carvalho

    Rui Duarte, não peça desculpas por entender que o ...

  • Anónimo

    Exatamente! E esse respeito passa também por serem...

  • Anónimo

    Obrigado pela sua resposta ao meu comentário Teres...

Links

Amigos do Mil Razões...

Apoio emocional

Promoção da saúde