Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mil Razões...

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

Destaque

Amigos do Ziki - Uma ferramenta para o pré-escolar.

20
Jan17

O que resta sem a memória da experiência? (Experiência – 9)

Publicado por Mil Razões...

AlzheimerPortraits#38–AlexTenNapel.jpg

Foto: Alzheimer Portraits #38 – Alex Ten Napel

 

Pele enrugada, olhar perdido, o vazio, a sensação de confusão e de embaraço que transparecem pelos trejeitos do corpo, a expressão de desconhecido expressa no rosto…

Diz-se que nós somos as nossas experiências. Por outras palavras, “toda a nossa experiência é dedicada ao desenvolvimento da nossa personalidade”. Quem o afirmou foi Alex Ten Napel.

Alex é um fotógrafo holandês que retratou 40 idosos, de uma residência sénior, que padecem da doença de Alzheimer. No seu ensaio fotográfico procurou mostrar a sensação de “esvaimento” e de desaparecimento espelhada nos rostos dessas pessoas. Retratada não estava apenas a perda da memória em si, mas também a progressiva falta de dignidade e o que significa viver nesta condição.

 

“O que nos resta sem a memória da experiência?”

“Todos nós conhecemos sentimentos de tristeza, medo, desespero, depressão, alegria e as pessoas com Alzheimer sentem tudo isso da mesma maneira”, explica o fotógrafo holandês. No entanto, a principal diferença é que o registo dessas emoções ou experiências não perdura. A doença de Alzheimer destrói o ser interior: personalidade, emoções, sentimentos, experiências, memórias.

“O confronto com pessoas que sofrem de demência é assustador, porque nos faz questionar a nossa própria vida. Elas mostram-nos que a nossa vida pode evoluir num sentido diferente daquele que esperamos”. A doença do esquecimento acaba por afetar não só o doente, mas também cuidadores, familiares e amigos, que assistem ao desaparecimento interior do ser, apesar da sua permanência física.

 

Há uma frase de Alex Ten Napel que resume, e bem, o ensaio fotográfico a que se propôs: “A doença de Alzheimer limita-se a mostrar-nos a existência humana sem qualquer adereço”.

 

Sandra Sousa

 

Porto | PORTUGAL

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Equipa

Alexandra Vaz

Ana Martins

Cidália Carvalho

Ermelinda Macedo

Fernando Couto

Jorge Saraiva

José Azevedo

Landa Cortez

Leticia Silva

Rui Duarte

Sandra Pinto

Sandra Sousa

Sara Almeida

Sara Silva

Sónia Abrantes

Tayhta Visinho

Teresa Teixeira

Vanessa Santana

Calendário

Janeiro 2017

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Comentários recentes

  • marta

    Um texto verdadeiramente Verdade...obrigada....e e...

  • Anónimo

    Oh, minha querida. Nunca saberei a dimensão da tua...

  • Anónimo

    Ana, deve ser tão difícil...a experiência de morte...

  • Paulo Das Neves

    Alucinante e envolvente...muito bom!

  • Teresa Teixeira

    Marta. Esse seu comentário foi tão ao fundo da rev...

Links

Amigos do Mil Razões...

Apoio emocional

Promoção da saúde