Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mil Razões...

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

Destaque

Amigos do Ziki - Uma ferramenta para o pré-escolar.

21
Jul09

Quando eu crescer (Sentimentos e Emoções – 4)

Publicado por Mil Razões...

 

  
O sol está a esconder-se, o dia está a acabar. Não gosto desta parte do dia, da parte que começa agora. Significa que tenho que ir para casa, assistir mais uma vez a todo um filme que já sei de cor.
Faço parte do elenco, é verdade, mas só até um dia. Até o dia em que eu seja maior que ele, em que a minha raiva, o meu nojo me tornem um gigante. E nesse dia tudo vai acabar.
Eu sei que não tenho que lá estar quando ele chegar, mas também sei que se não estiver, elas vão sofrer por mim. Que vai ser contra elas que ele se vai virar mais uma vez. Que amanhã, para saírem de casa, vão ter que abusar dos cremes e pinturas para tentar disfarçar.
O corpo fica a doer, muito, muito pior que todos os trambolhões que já dei. Mas muito pior do que isso é a dor de cá de dentro, aquela dor que se sente, perto do coração, como se fosse real.
Às vezes imagino como seriamos se ele não existisse. Ou se ele não fosse dependente (palavras delas para explicar…).
Felizes, acho que seriamos felizes. Ir para casa era uma coisa boa, e não um pesadelo.
Não consigo sentir carinho por ele, nem pena, nem nada. Não sinto nada…
Não, estou a mentir… sinto com todas as forças do meu ser uma enorme raiva, um nojo, uma dor a que não sei dar um nome. A tal dor que sinto perto do coração…
Li um dia que de todas as más experiências se tira algo de bom. Não sei o que de bom há nisto, neste viver cheio de medo, de ódio… só sei que nunca irei ser como ele. Que nunca irei fazer aos meus nada que os magoe.
Sei que quando crescer elas vão ter orgulho em mim, porque vou conseguir ser aquilo que ele nunca foi.
 
Filipa Pouzada
(Imagem: Self-Portrait, de Francis Bacon, 1971)
 

3 Comentários

Comentar Artigo

Porto | PORTUGAL

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Equipa

Alexandra Vaz

Ana Martins

Cidália Carvalho

Ermelinda Macedo

Fernando Couto

Jorge Saraiva

José Azevedo

Landa Cortez

Leticia Silva

Rui Duarte

Sandra Pinto

Sandra Sousa

Sara Almeida

Sara Silva

Sónia Abrantes

Tayhta Visinho

Teresa Teixeira

Vanessa Santana

Calendário

Julho 2009

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Comentários recentes

  • Fernando Couto

    Como se não nos bastassem os pesadelos criados pel...

  • marta

    ...e o pesadelo continua...

  • marta

    Uma pintura para a compaixão que este texto merece...

  • marta

    Um texto verdadeiramente Verdade...obrigada....e e...

  • Anónimo

    Oh, minha querida. Nunca saberei a dimensão da tua...

Links

Amigos do Mil Razões...

Apoio emocional

Promoção da saúde