Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mil Razões...

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

Destaque

Amigos do Ziki - Uma ferramenta para o pré-escolar.

09
Mar15

E se eu fosse milionário? (Profissão – 10)

Publicado por Mil Razões...

Notas.png

 

O que faria na vida se fosse um milionário? Que trabalho faria?

São as perguntas que coloco àquelas pessoas que vão ao meu consultório e estão, ou desempregadas, ou num trabalho que abominam. E o que mais me espanta é que a maior parte não sabe responder. Ou seja, não sabem o que realmente gostam ou qual é o seu talento. Logo, aceitam qualquer trabalho. Portanto, é mais difícil sentirem realização profissional.

Incentivo sempre as pessoas a encontrarem a resposta a estas perguntas, pois é a resposta que vai servir de farol ao contentamento no trabalho, ou até mesmo a encontrar o trabalho ideal. Posso ser otimista, mas a minha experiência diz-me que se nos orientarmos por aquilo que gostamos de fazer, então acabaremos por encontrar a profissão mais adequada àquilo que somos. Então, deixa de ser um trabalho para passar a ser algo que ainda não tem designação. Porque é possível fazer aquilo que amamos. E o contrário também: é possível aprender a amar aquilo que já fazemos. E quando assim é, então tudo é mais fácil – sorrimos mais, não sentimos que estamos a ser sacrificados, ajudamos mais e somos ajudados; tudo flui.

Trabalhar é partilhar algo de nós para o mundo. Se o fizermos com alegria, então podemos ter a absoluta certeza que seremos recompensados!

 

Sara Almeida

 

Porto | PORTUGAL

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Equipa

Alexandra Vaz

Ana Martins

Cidália Carvalho

Ermelinda Macedo

Fernando Couto

Jorge Saraiva

José Azevedo

Leticia Silva

Rui Duarte

Sandra Pinto

Sandra Sousa

Sara Almeida

Sara Silva

Sónia Abrantes

Tayhta Visinho

Teresa Teixeira

Calendário

Março 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Comentários recentes

  • Anónimo

    A realidade de tantos e tantos...

  • Teresa Teixeira

    Obrigada. É só o que me apetece dizer, agora. E nã...

  • Cidália Carvalho

    Rui Duarte, não peça desculpas por entender que o ...

  • Anónimo

    Exatamente! E esse respeito passa também por serem...

  • Anónimo

    Obrigado pela sua resposta ao meu comentário Teres...

Links

Amigos do Mil Razões...

Apoio emocional

Promoção da saúde