Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mil Razões...

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

O quotidiano e a nossa saúde emocional e mental.

Destaque

Amigos do Ziki - Uma ferramenta para o pré-escolar.

10
Fev09

Suicídio: Mitos e factos (6)

Publicado por Mil Razões...

 

O suicídio é hereditário?

 

Nem todos os suicídios podem ser ligados à hereditariedade, embora histórias de suicídios na família possam contribuir para sentimentos de desvalorização pessoal e da vida. A hereditariedade só por si, não é factor de risco, mas estando acrescida de vários outros factores, poderá ser mais um indício.

 

Se na família já houve outros suicídios é preciso estar muito alerta, embora este não seja hereditário, existe um risco deste comportamento se repetir, através de uma aprendizagem de como alguém próximo enfrentou e resolveu os seus problemas. Este risco de repetição comportamental é mais pertinente nas famílias em que a depressão é comum. Tendo em conta que não é fácil lidar com o suicídio, muito menos com o suicídio de alguém próximo, esse acto poderá desencadear sentimentos de culpa e de impotência, aumentando assim a probabilidade de sentimentos de desesperança que rapidamente conduzem à depressão e à falta de objectivos de vida. Claro que isto não é linear, uma vez que cada pessoa é um mundo e como tal, estamos constantemente rodeadas de factores protectores que permitem desenvolver estratégias para ultrapassar esses sentimentos e "dar a volta por cima".

 

Não podemos concluir que, se existe história familiar de suicídio, a pessoa em crise irá igualmente suicidar-se, ou que tem o suicídio nos "genes", pois o comportamento não é algo transmitido geneticamente, mas sim socialmente.

 

Ana Lua
 

Porto | PORTUGAL

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Equipa

Alexandra Vaz

Ana Martins

Cidália Carvalho

Ermelinda Macedo

Fernando Couto

Jorge Saraiva

José Azevedo

Leticia Silva

Rui Duarte

Sandra Pinto

Sandra Sousa

Sara Almeida

Sara Silva

Sónia Abrantes

Tayhta Visinho

Teresa Teixeira

Calendário

Fevereiro 2009

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Comentários recentes

  • Anónimo

    A realidade de tantos e tantos...

  • Teresa Teixeira

    Obrigada. É só o que me apetece dizer, agora. E nã...

  • Cidália Carvalho

    Rui Duarte, não peça desculpas por entender que o ...

  • Anónimo

    Exatamente! E esse respeito passa também por serem...

  • Anónimo

    Obrigado pela sua resposta ao meu comentário Teres...

Links

Amigos do Mil Razões...

Apoio emocional

Promoção da saúde